Olá!

Eu tinha planejado o look do ano novo beeeeem arrumadinho, com sapato de salto, brincos enormes e tal. Eu e o marido resolvemos apenas em dezembro que passaríamos o Ano Novo no Rio, mas sem nenhum plano específico para a noite da virada. Era bem capaz que passássemos no hotel mesmo, aí a arrumação faria sentido.

Mas pintou um convite para ver a festança em Copacabana, no apartamento da família de uma amiga querida (beijo, Vê!) e parte desta arrumação foi deixada de lado.

Primeiro porque mesmo à noite fez uns 30 graus, depois porque tivemos que andar de Ipanema até Copacabana e, por último, porque já que estaríamos lá tínhamos que estar prontos para aproveitar a festança com pé na areia (mas ficamos só no apê-camarote, de tão bom que estava, rs!)

Por isso, meu vestido de piquê ganhou uma produção mais simples, de acordo com a situação praiana: Melissa baixinha para poder andar numa boa, cabelo preso com coque simples e baixinho porque sou calorenta e brincos pequenos. Do plano inicial sobraram só o anel grande e a maquiagem, rs!

Fiquei feliz por ter começado o ano realizando uma vontade antiga, de passar um réveillon no Rio. Participar de algo tão lindo e grandioso foi muito especial para mim, além de ter sido super tranquilo. Sinal de que já devo ter começado 2015 bem, amém!

Depois de relembrar esta lindeza toda, vamos ao look?

Vestido: tecido de piquê de algodão comprado no Fernando Maluhy (Centro – SP), molde do vestido Lonsdale da Sewaholic Patterns (Canadá). Sandália: Melissa Aranha Hits Anel: Camila KleinBrincos: Tiffany’sBatom: Flat Out Fabulous (MAC)

Tempos atrás, vi no blog da Colette Patterns que a Sarai tinha feito este vestido em piquê branco mas tinha mudado um pouco a saia e acrescentado algumas pences. Olhando o site de moldes Sewaholic, gostei tanto do modelo como ele era e da ideia da Sarai de fazê-lo em piquê que comprei o molde. Ele ainda não tinha a versão em PDF, então tive que aguentar a ansiedade de esperar chegar pelo correio (levou umas 2 semanas). Gostei muito do molde e das instruções, recomendo! Fiz do jeito que estava lá, sem modificações. Ah, para ficar na altura do joelho eu tirei uns 17cm do final da saia, então deve dar bem certo para quem é mais alta ou para quem fazer um modelo midi!

Eu gostei muito das proporções entre a saia godê e o detalhe cruzado da parte de cima. A luz do quarto do hotel não era aquela maravilha então não fotografei as costas, mas o laço atrás também fica bem fofo (mostrei no cabide aqui)!

Depois, pensando numa possibilidade de evento festivo no futuro, esse vestido ficaria lindo na versão longa, num tecido bem leve como um chiffon, né?!

Gostou? Eu adorei!
Beijos!