Festa de Ano Novo feita à mão

No último post de 2016, eu dei algumas pistas de como seria a nossa festa de Ano Novo: em casa, com a família e com vários itens feitos à mão. E foi assim mesmo, felizmente!

Referências ao ar livre

Nos últimos tempos, eu e o marido fomos reunindo algumas referências de coisas que vimos e gostamos e, através delas, criamos o ambiente que queríamos para a nossa varanda.

Quando estivemos em Holambra (post aqui), uma mesa com bancos laterais já ficou em minha mente.

Mesa e bancos longos de madeira.

Quando eu estive em Montevideo, visitando as ovelhinhas em uma fazenda, lá estava o mesmo estilo de mesa e bancos compridos, além dos arranjos de lavandas em potinhos de vidro enfeitados com tecidos e fitas.

Arranjos simples e lindos!

Em Paris (post aqui), quando comprei os enfeites de papel, já imaginei todos eles pendurados em nossa festa. As cores das bolas (cinza, lilás e amarelo) viraram a minha referência de decoração para a ocasião. Gostei por ser menos convencional que o branco/prata/dourado habitual.

Bolas de papel que deram as cores da festa!

Assim, na mesma viagem, quando vi o tecido impermeabilizado branco estampado de prateado na feira craft que visitei (o post sobre a feira já está chegando, não esqueci!), já resolvi qual seria a toalha de mesa.

Toalha de mesa e vasinhos para as flores prontos!

Em Roma, vimos em um restaurante os ombrelones externos enfeitados por luzinhas em volta da cobertura. Mais uma ideia para o nosso projeto.

Luzinhas charmosas!

Mãos à Obra!

Eu e o Ricardo adoramos organizar festas em casa e queríamos há tempos dar um jeito em nossa varanda.

Com as referências acima em mente, primeiro fomos atrás das peças grandes. Os móveis foram comprados na Meu Móvel de Madeira, o ombrelone, as velas da mesa e as luzinhas de led à pilha com estrelinhas são da Tok&Stok e as plantas, vasos e suportes são do shopping Garden Sul.

A rede nós já tínhamos desde a nossa lua-de-mel, quando compramos duas delas em Fortaleza.

Eu fiquei com a toalha de mesa e os arranjos de flores para fazer. Ricardo se encarregou de fazer um varal com soquetes para colocar as lâmpadas de led. Fizemos tudo a tempo e, no final da tarde (depois de uma mega chuva, conto mais a seguir), deixamos tudo pronto lá fora, ufa!

Ah, clique em uma das imagens para ver em detalhes na galeria!

Com a missão de preparar o local cumprida, lá fui eu pensar no look do Reveillón. Comecei na véspera pois era uma peça relativamente simples.

Cadê a Luz?

Antes de fazer a arrumação que mostrei acima, como estávamos esperando chover na parte da tarde, cobrimos os móveis com uma capa daquelas para carro. Assim ninguém sentaria em cadeira molhada mais tarde.

A chuva veio e veio com tudo. Ficamos sem luz por volta das 16h. Quando parou de chover, arrumamos toda a varanda. Mas a minha roupa não estava pronta ainda e, principalmente, a nossa casa estava às escuras. Torcemos para que a Eletropaulo cumprisse a previsão de religar a energia às 19h30, mas não aconteceu.

Como o macacão que tinha começado não ficou pronto à tempo, parti para o plano B: usei a minha blusa nova de tricô com um shorts de cetim e tênis. Por conta do escuro, não consegui fazer nada elaborado no cabelo a não ser um coque alto e não consegui me maquiar.

O pessoal chegou e fizemos o possível para servir os quitutes planejados no escuro mesmo. Fomos salvos pela noite fresquinha na varanda, pelas luzes de led à pilha e pelas velinhas espalhadas pela casa. Não ficamos no silêncio pois o nosso bom e velho dock para celular funciona também à bateria e ela estava carregada desde o dia anterior, ufa! Festa sem música não dá, rs!

Não fiquei frustrada pois o que importava mais a gente já tinha: a família reunida que procurou levar na esportiva a falta de energia, que só voltou depois das 22h. Veja só como ficou tudo à noite!

Prometo fotos melhores com a blusa em breve, pois Ricardo fez estes cliques já depois das 2h da manhã, quando todos já tinham ido embora e nos preparávamos para desmontar tudo.

Toalha de Mesa e Arranjos de Flores: Como eu fiz

Contada toda esta saga para mandar 2016 finalmente embora, rs, vamos aos últimos detalhes da decoração?

Eu calculei o tamanho da toalha de mesa com base em outras que tenho em casa e que servem bem nas mesas da varanda e da cozinha. Vi que todas elas poderiam ser um pouquinho mais longas para ficarem mais certinhas nas cabeceiras.

Cheguei à seguinte conclusão (olha a dica): medi o tampo da mesa e adicionei 26cm de cada lado. Para uma mesa de 88cm x 160cm, a toalha terminada fica com 140cm x 212cm. Eu fiz uma barra de 1cm + 1cm em toda a volta, então o tecido cortado media 144cm x 216cm. Ficou perfeita!

Para os arranjos, usei vidros de molho de tomate e de azeitonas, diferentes entre si. Em cada um deles colei com Cola Pano um retalho de tecido branco ou de renda branca, que eu já tinha em casa. Para arrematar, um lacinho em renda roxinha. As flores escolhidas foram astromérias amarelas e flores do campo lilases.

O marido fez o varal para os soquetes seguindo um tutorial do YouTube (sempre salvando a gente, rs). Como o fio era branco e os soquetes eram pretos, o Ricardo pintou todos eles com tinta spray branca e também usou fita isolante branca. Ficou um capricho só.

O cardápio foi pizza caseira, praticamente uma instituição em nossa família. À meia noite, minha tia serviu lentilha também (não sou supersticiosa, mas sempre como pois é uma delícia)!

Enfim, contornamos as dificuldades e fizemos o nosso melhor para receber bem 2017!

Gostou? Eu espero usar esta decoração mais vezes!

Look do dia – Réveillon em Copacabana!
Look do Réveillon: Vestido estampado (Laurel Dress)
Costuras de Outubro!

Olá!

Bom, já chegamos em novembro! O fim de 2016 já está batendo em nossas portas mas temos um tempinho para concretizar planos ainda neste ano!

Outubro foi um bom mês para mim, algumas coisas especiais aconteceram e fizeram com que a minha produção tenha sido um pouco mais lenta e também que eu tenha ficado um tanto offline. Conto um pouco aqui neste post, pois já estava com saudades do blog! Vamos ao resumo do mês que passou?

Novidades em Casa

A primeira delas é que temos mais um “serumaninho” na família! Na verdade, é uma “serumaninha”, a General Leia Organa, minha bebê buldogue!

Finalmente os irmãos Luke e Leia estão juntos, rs!

Cuidar desta baby dog tem tomado um tanto do meu tempo. Felizmente, o Luke é um rapaz crescido que não me dá trabalho. Os dois irmãozinhos já estão bem próximos e tem sido divertido vê-los brincando com tanta diferença de tamanho, rs! Foi amor à primeira vista ver a carinha meiga e emburradinha da Leia, essa menina simpática e arteira, tem sido maravilhoso tê-la conosco!

Uma Viagem Craft Especial

Mais um motivo de ter ficado longe das agulhas, lãs, tecidos ou máquina de costura: fiz uma viagem muito especial para o Uruguai. Uma viagem bem craft, repleta de lãs maravilhosas, que passarei a mostrar aqui no blog nos próximos dias!

Viagem especial a Montevideo!

Projetos Concluídos

Mesmo com menos tempo para produzir, teve coisa pronta por aqui, oba! A primeira delas foi a latinha que forrei com tecido para acomodar a lã que estiver em uso no tricô ou crochê. Contei em detalhes neste post.

Também fiz um vestido em malha, que ficou muito caprichado! Foi rápido de fazer e está sendo uma delícia de usar! Semana que vem estará em detalhes no blog!

Vestido Davie, da Sewaholic Patterns.

Projetos em Andamento

Apesar de eu já ter mostrado meus últimos projetos de inverno (aqui), outras duas peças mais quentinhas estão em produção. Se não usar neste ano, estarão prontas para o frio que pintar no ano que vem. Assim, minha fila neste sentido termina e eu darei depois foco total nas peças mais fresquinhas!

Nas aulas de tricô, passei na frente das duas blusas que eu estava fazendo (contei sobre elas no resumo de setembro) um poncho em lã de alpaca. Queria ter feito esta peça durante o inverno, mas demorei a encontrar a lã que queria usar. Quando a encontrei, coloquei o projeto para acontecer!

Um lado está pronto e o outro está quase lá!

Um dos meus projetos de inverno era fazer um casaco de lã com uma capinha embutida. Já estava com todo o material em casa desde junho (mostrei aqui), então resolvi não engavetá-lo até o ano que vem.

Detalhe do forro em algodão (à esquerda) e da lã da parte externa (à direita).

A parte externa já está pronta, falta colocar o forro e fazer os acabamentos!

Por último, para encorajar as amigas Vanessa e Erika a costurar roupas, estamos fazendo juntas uma camiseta Plantain. Esta será a minha terceira (a primeira é esta e a segunda é esta), sempre gostosa de fazer!

Mais uma camiseta a caminho!

Planos para Novembro

Novembro também promete ser um mês muito gostoso, com direito a alguns dias de férias. Quero terminar os projetos acima e depois retomar os que estão parados. Algumas novidades aqui no blog estão por vir e eu estou muito animada!

Continue acompanhando tudo por aqui, teremos muitos posts legais!

Beijos e boas costuras!
Katia

Voltei a dar aulas! Primeira parada: Sesc Ipiranga
Um novo armário handmade para uma nova fase
Reaproveitamento de Tecidos!

Olá!
Já faz um tempo que eu faço o que posso para não jogar retalhos de tecido no lixo. Sabemos que o lixo produzido pela indústria têxtil e pelo descarte de peças têxteis que não serão mais usadas é enorme. Contei um pouco neste post sobre o documentário The True Cost. Não é porque estamos produzindo em pequena escala, em nossas casas, que podemos desprezar este fato.

Um lixinho “inocente” de cada costureira, se reunido com outros tantos lixinhos, virará um lixão também. Por isso, é fundamental usar o tecido da melhor forma possível, reduzir o que vai para o lixo.

Doar retalhos

Uma coisa que eu tenho feito há um tempo é reunir os retalhos que não vou usar mais em uma sacola e, quando ela enche, eu dôo para uma amiga que é professora em uma escola municipal infantil aqui do meu bairro (beijo, Erika!).

Lá o tecido vira material para as aulas de artes das crianças ou é aproveitado para melhorias na própria escola. Dia desses, as professoras estavam forrando as molduras dos murais da escola com tecidos que elas receberam. Ficou lindo e colorido!

Olha as sobras do tricoline da minha calça Anna (post aqui) no mural da sala dos professores!

Retalhos especiais e uma lata de leite em pó

Eu tenho uma caixa onde guardo meus retalhos mais especiais (de tecidos Liberty, por exemplo). Boa parte deles viraram hexágonos para a minha colcha/manta (aquela que tenho fé que vou terminar um dia, rs), mas ainda tenho um pouco guardado.

A saga da minha colcha de hexágonos, que está sendo feita quase toda com as sobras dos tecidos que usei, pode ser conferida aqui.

Aproveitei, já que tenho feito muito tricô, para fazer um recipiente bonitinho para colocar meu novelo de lã em uso. Explico: Luke é um amor de cachorro, mas não pode ver um novelo de lã ou de linha que corre para pegar e destruir (acho que ele pensa que é um brinquedo, já que é fofinho e redondinho)…

Peguei uma lata de leite em pó que ficou vazia depois de bem utilizada nos iogurtes caseiros que preparo, lavei por dentro e deixei o rótulo de papel externo. Depois de seca, colei um retalho de tecido bem especial, virando as pontinhas para dentro para ficar bem acabado. Usei cola de tecido mesmo (a famosa cola pano):

Colei uma fita crepe para certificar que as pontinhas ficariam bem coladas. Depois de algumas horas, retirei a fita e ficou tudo no lugar:

Para a tampa, marquei um círculo no centro e cortei com um estilete. Assim, posso fechar o pote com o novelo dentro e só um fio fica para fora:

Com um novelo novo fica meio apertado, mas não chega a atrapalhar, viu? Eu não iria comprar outra coisa no mercado só para pegar uma lata maior. O negócio era aproveitar o material que já estava disponível.

Agora a minha lã está protegida e eu não tive nenhum gasto adicional!
E você, já pensou em formas de não mandar os restinhos de tecido para o lixo?

Beijos e boas costuras!

A volta às costuras depois de um ano
Voltei a dar aulas! Primeira parada: Sesc Ipiranga
Katia Linden
Sou de São Paulo, publicitária de formação e várias outras coisas por admiração e escolha própria: tatuada, amante de música, viciada em Grey's Anatomy e Game of Thrones, esposa, dona de casa, costureira, modelista, consultora de estilo e (também, ufa) autora deste blog.
Sobre o Blog ⟩
Newsletter

Assine a minha newsletter e receba novidades exclusivas por e-mail!

Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres.
Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres.
Email inválido.
Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres. (Obrigatório!)
keyboard_arrow_right
close
Vencendo a minha maior resistência: vender!
Sobre Florescer em Pleno Inverno