Armário Handmade do Rock in Rio!

Na semana que passei no Rio (estava com saudades de ir sem correria, mesmo com os problemas todos que estão acontecendo por lá), teve armário handmade praticamente todo dia, até porque grande parte das peças que eu amo e uso muito fui eu mesma que fiz.

Mas aí seria um repeteco só aqui no blog, já que tudo que faço vem parar aqui também, rs!

Aí resolvi fazer este post com os looks que usei no Rock in Rio, com peças handmade mas usadas de um jeito diferente!

Primeiro dia – Macacão de Moletom

Acabei mudando o primeiro look de véspera, naquele momento que deu vontade de trocar o calçado planejado e aí o look todo mudou, rs! Se eu estivesse em casa, certamente teria conseguido incrementar mais com acessórios.

Usei o tênis esportivo que tinha levado para as caminhadas no calçadão e não me arrependi de ter montado um dos looks do Rock in Rio com ele, pois são muitas horas em pé e a caminhada até o Parque Olímpico e tal…

Enfim, para o dia de Bomba Estéreo e Karol Conka, Titãs, CeeLo Green e Iza, The Who (um sonho realizado!) e Guns n’ Roses eu vesti meu macacão de moletom com estrelinhas, pochete de glitter, óculos espelhados e tênis esportivos! Ficou tudo mais clarinho e com toques de brilho!

Macacão: moletom com elastano da L’Atelier de La Creation (Paris), molde da revista Burda Style de novembro/2016. Mais fotos do macacão aqui.
Pochete com Glitter: Agora que Sou Rica
Tênis: Asics
Óculos Escuros: Ray Ban

Segundo dia – Saia Calça

Já esse look estava super planejado, rs! Para ver a minha banda do coração, montei o look para usar a camiseta do Red Hot!

Diferente do ano passado, quando usei a camiseta com um shorts de couro (e passei muito calor com ele), esse ano eu usei a minha saia calça bem mais fresquinha, chemisier usado aberto por cima e tênis com algum amortecimento, além da pochete!

E assim eu estava no Rock in Rio para conferir Sepultura, The Offspring (mais um sonho realizado), Thirty Seconds to Mars e Red Hot Chilli Peppers (minha banda do coração para todo sempre, amém!):

Saia-Calça: tecido Bi-strech da GJ Tecidos (Centro – SP), molde da Pantacourt com transpasse da revista Burda de Agosto/2016, modificado por mim. Mais fotos da peça aqui.
Camiseta oficial do Red Hot Chilli Peppers: comprada no show de 2013 em São Paulo
Chemisier: Alexandre Hertchcovitch para C&A
Pochete com Glitter: Agora que Sou Rica
Tênis: Nike
Óculos Escuros: Ray Ban

Dicas

Depois de muitos anos indo a festivais e shows, eu acabei criando uma “receita” com o que funciona nessas ocasiões. Então, vou deixar essas dicas aqui!

Roupas – minha prioridade é o conforto. Uso roupas que eu fique bem em pé, andando ou até sentada no chão. Se eu vou de vestido, normalmente estou com um shortinho por baixo. Então, dificilmente uso saias muito justas ou curtas, para não ter que me preocupar. Ou vou logo de shorts ou calça. Em alguns eventos vale pensar num casaco pois às vezes esfria conforme anoitece.

Calçados – sempre dou preferência aos tênis, principalmente se tiverem algum amortecimento. São muitas horas em pé, andando ou dançando/pulando. Vale também considerar um calçado que você não tenha dó de sujar ou molhar. Tem botinha que dá conta do recado e não deixa os calcanhares cansados. Coturnos e botas com solado grosso também são ótimos!

Acessórios – no meu caso, os óculos de sol são indispensáveis de dia e os óculos de grau são indispensáveis à noite, rs! Não me preocupo com outros acessórios, mas quem curte uma montação maior pode mandar ver. Ah, desta vez eu peguei amor de verdade pela pochete!

Cabelo e maquiagem – a maioria das vezes eu já saio de casa com o cabelo preso mas, quando vou com ele solto, levo um elástico para garantir. A maquiagem tem que ter filtro solar e ser resistente à água, para durar e não precisar retocar. Sempre uso um batom que dura bastante.

Essenciais – Ricardo é o responsável pela nossa mochila que sempre tem: protetor solar, repelente, capas de chuva, cangas para poder sentar no chão e powerbank para carregar o celular.

Ricardo e a mochila com nossos itens essenciais!

E que venham os próximos festivais!

Ferramentas de Costura – Canetas Hidrográficas para Tecidos Escuros!
Vestido Infantil Florence
Acessórios para o Inverno: Gola em lã super grossa!

Uma das minhas compras nas férias de abril (post aqui) foi uma lã bem grossa, rosinha, que pedia para virar uma gola! No movimento de usar o que eu tenho em casa, antes de comprar outras lãs e fios, lá fui eu tricotar mais uma gola de tricô.

Tricotando a gola de lã super grossa

Essa foi a lã mais grossa que eu usei até agora (existem mais grossas ainda, mas ainda não cheguei nelas, rs), tanto que precisei de agulhas 20mm para fazê-la. A vantagem é que a combinação de lã grossa e agulhas igualmente grossas tornam o trabalho super rápido!

Aprendi um ponto que é uma variação do ponto turco (algumas golas que fiz com ele estão neste post) e que ficou ótimo nesta lã! É sempre bom pensar em algo leve quando feito com uma lã mais grossa pois assim não corremos o risco de ficar com uma gola muito dura ou quente demais para o nosso clima!

Usei um pouco mais de uma meada desta lã (cada meada tem 125g) e o que sobrou vai virar uma outra peça bem especial (aproveitamento total dos materiais, a gente vê por aqui!)

Levei a gola na mala para tricotar no Uruguai e trouxe de volta para casa prontinha para costurar na aula seguinte, oba!

A gola pronta

Eu amei como a gola ficou! Fofa, quentinha e leve! Adoraria ter mais desta lã para fazer outras!

Look do Dia

Como tivemos alguns dias frios há pouco tempo, tive oportunidade de já usar a gola. Diferente das outras que eu tenho, essa é a mais neutra de todas, pois é um rosa clarinho que quase se confunde com a cor do meu cabelo (e até dos óculos, rs). Estou achando bem fácil de combiná-la por conta disso!

Enquanto a outra gola que fiz no começo do ano (post aqui) tem a trama mais fechada e dá duas voltas no pescoço, esta tem a trama mais aberta e dá uma volta só, o que compensa a espessura da lã mais grossa. Ficou quentinha e bem confortável de usar!

Para montar o look deste dia, parti do rosa da gola e fui ver cores análogas (as vizinhas no círculo cromático) para compor um look colorido e calminho.

Cores análogas. Fonte: app Color Wheel

Escolhi então o azul do jeans da jaqueta e da calça e o roxo da blusa. Para dar um brilho e um toque especial a mais perto da gola e do rosto, broches lindos na jaqueta!

De pertinho!

Look especial e handmade!

Gola com lã de merino grossa: Lã Gentle Giant da Purl Soho (New York), cor Calico Pink. Projeto das aulas com a professora Solange, na Novelaria (SP).
Blusa de tricô: lã Rios (100% Merino) da Malabrigo na cor Purpuras. Projeto das aulas com a professora Solange, na Novelaria (SP). Mais fotos da blusa aqui.
Broches: Montageart (SP)
Calça jeans: C&A
Jaqueta Jeans: Levi’s
Tênis: Farm x Adidas

Eu adorei o look todo, composto para ficar quentinho e confortável, com aquele toque de cor que eu sempre incluo nas minhas produções!

Acessórios para o Inverno: Gola de Tricô!
Novas golas em tricô!
Look do dia: Regata de crochê e quimono de seda!

Bem que esse post poderia chamar: look da formatura, rs! Sim, eu estava assim no último dia da formação em Consultoria de Estilo (contei mais aqui). O mais legal é que eu combinei peças que eu adoro e que eu nunca tinha usado juntas.

Look do Dia

Tanto a regata quanto o quimono já apareceram aqui no blog (aqui e aqui), mas nenhum dos looks anteriores valorizaram tanto estas peças. Estava me sentindo ótima neste dia, pela ocasião de concluir uma formação que eu queria muito fazer, pelo fato que estava amando estar com esta roupa, tanto pelo conforto quanto pelas cores e pela mistura das texturas de cada uma das peças: a seda fluida do quimono, o crochê da regata e o plissado da saia.

Uma coisa que eu nunca tinha notado também é que o lilás discreto da estampa floral do quimono batia certinho com o lilás da regata de crochê… Aí essa mistura toda de texturas fica mais conectada, sabe?

Lilás do quimono conectado com o lilás da regata (que amor)!

Regata em Crochê: projeto da professora Solange, nas aulas da Novelaria. Fio Malabrigo Baby Silkpaca (70% Baby Alpaca e 30% Seda) na cor Periwinkle. Mais fotos aqui.
Quimono de Crepe de Chine: Tecidos liso e estampado da loja Texprima. Molde da revista Burda portuguesa de 02/2012. Mais fotos do quimono aqui.
Saia plissada: American Apparel
Espadrilles: Cervera

Formada e feliz!

Mais algumas imagens deste dia tão especial!

Quimono versátil

Eu sempre tive uma preferência por roupas mais estruturadas e com modelagens mais próximas do corpo e, por conta disso, este quimono era usado bem menos do que deveria. Um olhar mais carinhoso pra ele tem rendido combinações especiais e diferentes entre si!

Em 2014, meio desajeitada com o quimono larguinho, rs!

No carnaval 2017, mais à vontade!

Que bom que agora estou usando mais este quimono e que o “look da formatura” ficou especial como eu queria!

Formação em Consultoria de Estilo!
Aventuras em crochê: fazendo o xale vírus!
Katia Linden
Sou de São Paulo, publicitária de formação e várias outras coisas por admiração e escolha própria: tatuada, amante de música, viciada em Grey's Anatomy e Game of Thrones, esposa, dona de casa, ciclista, praticante de Pilates, costureira, modelista, consultora de estilo e (também, ufa) autora deste blog.
Sobre o Blog ⟩
Newsletter

Assine a minha newsletter e receba novidades exclusivas por e-mail!

Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres.
Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres.
Email inválido.
Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres. (Obrigatório!)
keyboard_arrow_right
close
Formação em Consultoria de Estilo!
Novidade: Livro “Costura Fácil” da Burda Style!