Sobre me sentir viva (e de volta ao blog!)

Olá!
Este não será um post para pedir desculpas pelos sumiços daqui do blog (e esses sumiços são bem doloridos para mim, confesso). Este post é para contar para vocês que desde o final de março alguns acontecimentos meio que em seguida foram uma provação para mim, tanto física quanto psicologicamente.

Duas situações de doença na família e um acidente de carro comigo. Graças a Deus todo mundo está bem, mas foram dias muito difíceis.

E aí eu me vi comemorando que os dias voltaram a ser lindamente normais, era tudo o que eu precisava! Quando a vida voltou ao normal para nós todos, rolou uma certa correria para colocar assuntos pendentes em dia e faltou ânimo para eu escrever.

Só que quando isso acontece comigo fico realmente chateada, pois o blog é parte integrante da minha vida. Sinto que quando as coisas por aqui ficam paradas, é sinal de que preciso me esforçar mais. Felizmente, estou de volta e muito grata por estar bem.

O sentimento de estar viva e bem é algo muito presente em mim, tenho alguns momentos de paz mesmo em ocasiões super inusitadas ou que passariam batido para muita gente. Vou contar alguns exemplos recentes:
Sentindo o que é ser livre nesta cidade enorme e tão cheia de problemas ao pular carnaval com o marido no bloco que eu amo e que percorre o centro da cidade:

“Diga espelho meu, se há na avenida alguém mais feliz que eu!”

Ao percorrer estradas lindas numa viagem de sonho, me senti viva e ao mesmo tempo do tamanho de um grãozinho de areia ao fazer parte de todo aquele mundo enorme à nossa volta:

(Post sobre a viagem aqui)

Quando um show de rock te faz chorar de emoção, de alegria, de gratidão!

(Neil Young no Jazz Fest 2016 – Fonte)

E tem outras coisas que me dão esse “estalo”: ouvir meu pai animado contar sobre a vida corriqueira, dar um abraço nas crianças da família, curtir um chamego do cachorro… E voltar a costurar, tricotar e escrever com toda vontade!

Queria contar que estou de volta, aliviada, feliz e muito grata por estar aqui!

Beijos e boa semana!

Voltei a dar aulas! Primeira parada: Sesc Ipiranga
Um novo armário handmade para uma nova fase
Look do dia: Camiseta de Malha de Viscose!

Olá!
Seguindo viagem (contei um tanto no post de ontem), eu e o marido chegamos em Los Angeles. Adoramos conhecer a cidade, mas depois do trajeto tão maravilhoso de San Francisco até lá, parece que demoramos para pegar o embalo em curtir LA de verdade, sabe?

Bom, uma das coisas que mais gostamos de fazer é ver a cidade do alto, não importa onde a gente esteja. Lá em Los Angeles o primeiro passeio foi até o Griffith Observatory, dentro de um parque super gostoso! De quebra, tínhamos uma boa vista do famoso letreiro de Hollywood (e aí cai a ficha de que você realmente está em Los Angeles, rs).

Nesse dia eu usei a minha camiseta de malha de viscose com estampa de setinhas, calça jeans, tênis e casacos que foram sendo tirados ao longo do dia, ufa!

Preciso confessar o amor por ter uma calça jeans clara, com rasgos e sem elastano depois de muitos anos! #devoltaaosanos90

Estou apaixonada por essa jaqueta bomber com estampa de paisley!

Dá para ver que ela é dupla face? O outro lado é azul marinho, toda em matelassê!

Também amando muito essa fase de se sentir bonita só com jeans, camiseta e tênis!

Depois, passeamos pela Rodeo Drive (que eu achava que era grandona, mas não é, rs), por Beverly Hills e pela Sunset Boulevard, onde tem a calçada da fama, mas nem piramos de ficar vendo as estrelinhas, só passamos de carro mesmo.

Em outro ponto na Sunset Boulevard, que é muito longa, tem uma loja gigante da Amoeba, onde compramos alguns discos, depois fomos na Guitar Center, para o marido babar nas guitarras assim como eu babo quando vou em lojas de tecidos (direitos iguais, né?!). Ah, e almoçamos no Farmer’s Market, um mercado a céu aberto muito legal perto dali!

Paraíso!

Sim, comprei mais um vinil do Bowie… #ripJá tinha o The Next Day, comprado na época do lançamento e agora tenho Blackstar também.

Gostamos mais da calçada da fama da Guitar Center!

Os créditos do look são estes:
Camiseta: Malha de viscose estampada da Aime Comme Marie para Motif Personnel (França), molde gratuito da camiseta Plantain, da Deer and Doe (França).
Casaco creme: não sei a marca, comprado em Buenos Aires
Jaqueta bomber dupla face: Scotch & Soda (San Francisco)

Calça jeans: Levi’s
Tênis: Adidas

E esse foi um dos nossos dois dias em Los Angeles, muito legal!

Beijos!

Voltei a dar aulas! Primeira parada: Sesc Ipiranga
Um novo armário handmade para uma nova fase
Katia Linden
Sou de São Paulo, publicitária de formação e várias outras coisas por admiração e escolha própria: tatuada, amante de música, viciada em Grey's Anatomy e Game of Thrones, esposa, dona de casa, costureira, modelista, consultora de estilo e (também, ufa) autora deste blog.
Sobre o Blog ⟩
Newsletter

Assine a minha newsletter e receba novidades exclusivas por e-mail!

Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres.
Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres.
Email inválido.
Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres. (Obrigatório!)
keyboard_arrow_right
close
Vencendo a minha maior resistência: vender!
Sobre Florescer em Pleno Inverno