Os últimos looks do #mmm15 e o que eu aprendi com o desafio

Olá!

Vou começar este post mostrando os últimos looks do desafio Me Made May deste ano, aí depois conto as minhas conclusões e aprendizados.

Dia 21 – Furei! Este foi um dia de afazeres domésticos e de costuras. Passei o dia com roupas “das ginásticas” e não tinha o que fotografar a não ser a produção do dia, na overloque.

Dia 22 – Queria tanto voltar a usar esta saia godê! O top cropped, na minha opinião, casou direitinho com ela!

Dia 23 – Fui para o curso de modelagem com meu quimono de crepe de seda. Com essa enxurrada recente de quimonos mais hippies/boho, achei legal usar fechado!

Dia 24 – Dia de visitar amigos queridos. Aproveitei para estrear o meu segundo top cropped, recém terminado, de moletom. Deu certo com o shorts de cintura alta!

Dia 25 – Mais um dia trabalhando em casa, então não tinha look para mostrar. Mas deixei um petisco do chevron que estava virando uma peça nova para o meu quartinho de costura.

Dia 26 – Roupa confortável para visitar amigos queridos, para uma reunião rápida e para a aula de Patchwork. Usei essa calça de linho e viscose que eu adoro!

Dia 27 – Mais uma das minhas blusas Taffy para animar o look com jeans e tênis!

Dia 28 – Furei, em mais uma 5a feira bem caseira (aqui é dia de faxina…). Enquanto eu passava horas arrumando meu quartinho, registrei o último projeto terminado, do conserto da gola de tricô que eu nem usei ainda mas o Luke quase comeu. O conserto a deixou mais bonita, ufa!

Dia 29 – Comprei essa saia de couro pela internet sem saber exatamente com o que usar (não pode, Katia!). Adivinha o que resolveu? O bendito top cropped, estou mesmo muito apegada!

Dia 30 – Look para encarar o sábado com aulas e depois receber amigos em casa. Para não mostrar a barriga, coloquei uma regata por baixo do cropped de moletom. Como estava frio de manhã, saí de casa com a minha jaqueta Bomber amada.

Dia 31 – Encerrando o desafio deste ano, fiz este quimono modificado para ficar com uma gola. Fiz em flanela xadrez, para aproveitar mais agora que está esfriando. Terminei e já saí usando!

Uma coisa que eu tenho feito nos últimos tempos é atualizar looks que ficariam super retrô. Sei lá, acho que usei roupas e acessórios totalmente retrô por muito tempo e depois acabei enjoando… Hoje tenho muita certeza que foi uma fase super legal, já que foi assim que descobri que eu poderia ser mais feliz usando um batom colorido e um belo vestido (coisas que continuo fazendo), mas que passou.

Foi curioso retomar certas peças, como a primeira saia que costurei (no dia 06, dá para ver neste post). Tentei usar uma combinação que antigamente usaria facilmente e não consegui. Optei por um look até mais simples, mas que me identifiquei mais.

Mesmo assim, as roupas que eu faço quase sempre são de formas mais clássicas. Pode notar que não sou muito de recortes e assimetrias, apesar de achar lindo. Acho que encontrei um meio termo entre a forma clássica/retrô e um jeito de usar mais moderninho e isso me agrada muito.

Outra coisa legal do desafio era entrar na hashtag #mmmay15 e ver o que as outras pessoas estavam vestindo e postando. Como a maioria coloca os créditos quando usa um molde de terceiros, passei a colocar também. E assim passei a conhecer novas opções de moldes para explorar no futuro!

Confesso que tive dias difíceis pois, como já andei contando em outros posts, não estou muito abastecida de roupas de frio ainda. Aproveitei para costurar algumas peças novas (foram 2 Tops Cropped, uma blusa Coco e um quimono de flanela). Por outro lado, principalmente nos finais de semana, aproveitava para montar looks mais incrementados e diferentes do que eu já tinha combinado, foi ótimo!

Preciso agradecer o marido Ricardo que pacientemente registrou muitos looks durante o mês, assim como a Érika que tirava as fotos às 3as feiras (no intervalo das aulas de Patchwork)!

Quero continuar participando nos próximos anos, realmente foi um ótimo desafio, com resultados positivos! Pretendo planejar com um pouco de antecedência no ano que vem, separando as roupas para ir usando, por exemplo.

Gostou?
Beijos!

7 Anos de Blog e uma vida toda pela frente!
A volta às costuras depois de um ano
Costuras da Semana!

Olá!

Acredito que todo mundo esteja na correria por conta das festas de fim de ano, né?!
Por aqui também está corrido, pois fiz presentes para a família nesse Natal (semana que vem vai acabar o suspense, já que vou poder mostrar!) e dediquei um tempo para fazer algumas coisas de casa.

Na reta final dos presentes de Natal, muito plumante!

Na 4a feira passada eu fiz aniversário e me dei de presente uma saia godê com tecido de pêras e acabamento em rendinha de algodão. Eu contei como foi o meu dia aqui.

Auto-presente de aniversário!

No final de semana terminei e embrulhei todos os presentes, usei uma embalagem que aprendi a fazer nos tempos de adolescente, em que eu trabalhei no bazar do bairro dos meus pais. Amanhã vou colocar um passo-a-passo, para dar uma forcinha para quem ainda não terminou de empacotar os presentes de Natal. (Opa! Consegui adiantar! O post é este aqui!)

Fiz alguns consertos rapidinhos e separei um linho que está esperando faz tempo para uns projetos para o meu quartinho de costura e para a casa. No fim das contas, 2 metros de linho com estampa florida viraram sachês de lavanda, toalhinha para bandeja, os restinhos viraram porta-copos e um futuro alfineteiro e ainda sobrou uns 40cm. Vou contar nesta semana ainda como foi o dia da multiplicação do linho, rs!

Começo das costuras vapt-vupt com o linho estampado: sachês de lavanda!

Semana festiva e curta, espero que você desacelere da correria de dezembro e curta bastante!

Beijos e boas costuras!

5 Anos de Blog – Minha Manta de Retalhos está de volta!
Como fazer toalhas de mesa!
“Não me interessa se ela é coroa…” OU Costura “Vapt-Vupt” para os 34!

Olá!

Ontem foi meu aniversário, completei 34 anos.
Não sei se é pelo fato de me sentir muito serena com o fato que as realizações que eu queria para este ano de vida aconteceram ou se eu estou realmente ficando velha (rs), decidi passar o dia bem tranquila em casa.

Quem me conhece sabe que, se eu faço aniversário numa 4a feira, a chance que eu marque comemorações da 4a até o domingo é enorme! Normalmente eu fico bem eufórica, basicamente por estar feliz em comemorar mais um ano de vida.

Não sei se por um dos motivos acima ou os dois, além da proximidade das festas de fim de ano que praticamente inviabilizam as comemorações no próximo final de semana, eu decidi me dar um dia mais simples e não me preocupar com uma sequência de comemorações.

Marido fez café da manhã especial para mim, com panquecas do Jamie Oliver!

As panquecas aqui de casa foram feitas com maçã, uma delícia! E as coisas normalmente “proibidas” em dias normais estavam muito liberadas no café da manhã festivo, como Nutella e Maple Syrup, hummm!

Aproveitei para estrear meu jogo americano que fiz na aula de Patchwork em junho. Acredita que nunca tinha usado pois antes queria formar um conjunto com 6 unidades?

Café da manhã festivo com panquecas feitas pelo marido e jogo americano em Patchwork.

Depois que ele saiu para trabalhar, fiz algumas coisas de casa e aí fui terminar meu presente, iniciado na noite anterior: uma saia godê com tecido de pêras da Liberty. Era pra ter sido mais rápido ainda, mas acho que estiquei o tecido (peça cortada em viés corre esse risco, melhor manusear o mínimo possível) e acabei trocando o fechamento com zíper por um elástico levinho, só para deixar tudo no lugar.

Para dar um detalhe enfeitado, usei a rendinha meio acinzentada que tinha comprado e apliquei com uma linha de bordar com degrade de laranja, para aparecer mesmo!

Achei que teria dó de encher uma bobina e ver o carretel vintage de madeira esvaziar um pouco, mas isso nem aconteceu! Além disso tem o efeito bonito da bobina enchendo coloridinha, olha só:

Tomei o maior baile da Novinha, que insistia em quebrar a linha de cima. Troquei a agulha, repassei a linha várias vezes, parei tudo para limpar e lubricar a máquina, regulei a tensão para mais e para menos… nada resolvia.

Eu pensei que, quem sabe, a máquina mais antiga aceitaria melhor a linha também antiga e resolvi testar. Passei a linha na minha Velhinha querida e ela terminou o trabalho lindamente, sem me dar trabalho algum. Por isso, a Velhinha deixou de ficar guardada no gabinete, com um monte de tralhas em cima e voltou ao seu posto de onde nunca devia ter saído: à mostra, na sua bancada linda!

“… Panela velha é que faz comida boa!”

Os pontos dela continuam mais bonitos que os da Novinha, então esse tipo de acabamento “aparecido” eu vou a passar a fazer na Velhinha, ponto final.

Ufa! Tá pronta! Foi rápido, mas deveria ter sido mais rápido ainda, rs!

Pêras, rendinha, linha colorida (e pelinhos de cachorro, affee… não sei apagá-los, rs)

À noite, quando a família chegou para uma pizza e um bolinho, lá estava eu com a saia, uma blusa que eu adoro (gosto muito da combinação de azul com laranja) e sapato novo (super master presente do marido que ganhei adiantado).

Look (aniversariante) do dia.

#feliz34

Gostaram?
E que venham muitos anos de vida e de costura pela frente!

Beijos!

7 Anos de Blog e uma vida toda pela frente!
Minha Máquina de Overloque – Singer Ultralock 14SH754 – Primeira vez na Assistência
Katia Linden
Sou de São Paulo, publicitária de formação e várias outras coisas por admiração e escolha própria: feminista, mãe de cachorros, tatuada, amante de música, viciada em Grey's Anatomy, costureira, modelista, consultora de estilo e (também, ufa) autora deste blog.
Sobre o Blog ⟩
Newsletter

Assine a minha newsletter e receba novidades exclusivas por e-mail!

Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres.
Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres.
Email inválido.
Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres. (Obrigatório!)
keyboard_arrow_right
close
Vencendo a minha maior resistência: vender!
Sobre Florescer em Pleno Inverno