Olá!
Agora que estou de volta e devidamente instalada na minha rotina e no meu quartinho de costura, vamos ao resumo da semana!

Retomei o meu vestido Laurel que tinha deixado sem terminar antes das férias. Apesar de ter rolado um estranhamento entre a minha máquina e eu na hora de colocar o zíper invisível, deu tudo certo no final.

O meu segredo nessas situações é largar a costura um pouquinho, aproveitar para limpar e lubrificar a máquina, deixá-la quietinha por uns trinta minutos e na volta está tudo bem, rs!

O zíper não ficou perfeito pois tive que lutar com o pé calcador algumas vezes e, quando eu consegui colocar o zíper, achei melhor não tentar mais uma vez pois estava com receio de danificar o vestido de tanto costura-desmancha-costura. Paciência…

Aí faltava pouca coisa, marcar a barra, colocar o detalhe na frente, fazer o acabamento do decote e a barra com pontos invisíveis à mão (sou fã). Ontem só faltava colocar o ganchinho para fechar na parte de cima e… pronto!

Disfarça a cara de pastel, já tava meio tarde, rs
Ah, o Astor resolveu participar também

Disfarça também o treino para fazer um coque banana, hihihi

Eu amei tudo! Adoro combinar azul com verde e essa rendinha nos detalhes ficou delicada! Eu não estou acostumada a usar roupa mais larguinha, mas como é mais curto eu fico com a impressão que uma coisa compensa a outra. Espero usar bastante!

E o treinamento intensivo de pontos da máquina deixou o acabamento deste vestido ainda melhor. Está ficando mais parecido com o overloque.

E não é que, assistindo uma “maratona” de Mad Men, teve um episódio que a Joan (pra mim, a ruiva mais linda do mundo!) usava um vestido em tons de azul e verde, com as mangas com o detalhe parecido com este que eu fiz? Eu adorei encontrar esta referência no meio do processo todo. Pra quem adora a moda dos anos 60, têm dicas de produção de moda da série aqui.

Mad Men, temporada 6, episódio 4.

Mad Men, temporada 6, episódio 4.

Como eu contei aqui, eu comprei hexágonos novos na Liberty e comecei a costurá-los. Mas aproveitei que já tinha um bom tanto pronto para começar a combinar as estampas entre si e preparar a montagem de novas rosetas.
Já tenho mais de 20 rosetas novas me esperando para serem costuradas e eu fiquei pensando numa forma de organizar esses conjuntinhos. Peguei uma forma de assar cupcakes lá na cozinha e, em cada buraquinho, coloquei material para duas rosetas. Ficou bem arrumado e ainda serve de enfeite para o meu quartinho, rs!

Saldo de rosetas estampadas até o momento: 31 (de 146).

Fornada de rosetas em progresso

As aulas de costura retornaram esta semana e eu resolvi começar a fazer projetos que são realmente novos para mim, como roupas com gancho. Então, um tecido lindo que estava meio que sem projeto aqui em casa está se transformando em shorts. Tenho muita lição de casa para fazer (ajustes de todos os tipos) então nem dá pra mostrar ainda, rs!
O molde veio de uma revista Burda da minha professora, mas achei aqui uma foto e o molde online para mostrar o modelo:

Pleated Shorts – Burda

Ah, o blog completou 5 meses ontem, estou muito feliz!

Obrigada pela visita e pelo carinho!

E lá vou eu, pensando no que mais vou costurar, que delícia!

Beijos e boas costuras!