UIPA – União Internacional Protetora dos Animais

Olá!
No ano passado e neste ano também, eu mostrei aqui no blog os cobertores que eu fiz para doação para a UIPA – União Internacional Protetora dos Animais. Eu e o marido apoiamos a entidade há um tempo e achei que seria legal mostrar um pouco mais aqui, pois pode ter alguém mais que ama os bichos como nós e que pode vir a apoiar também.

A UIPA é a primeira entidade de proteção animal do Brasil, contando com unidades em vários estados. Nós acompanhamos e ajudamos a unidade de São Paulo, que fica no bairro do Canindé, perto do estádio da Portuguesa.

Chegamos a ela pois nós tínhamos feito uma promessa de ajudar uma instituição do tipo depois que o Astor teve um problema numa pata que custou a sarar (mas sarou, graças a Deus e a São Francisco de Assis!).
Depois de pesquisar um tanto, resolvemos apoiar a UIPA já que é uma instituição antiga e que abriga muitos animais, que podem ser adotados. Eles também dispõem de uma clínica veterinária, que tem os valores arrecadados revertidos para as despesas com os animais. No site tem muita informação, inclusive de por que colaborar com eles:

“Por que colaborar com a UIPA?

Por mantermos cerca de mil e duzentos animais em nosso abrigo, necessitados não só de cuidados básicos, mas de procedimentos médicos e cirúrgicos custosos. Muitos animais nos foram encaminhados pelas autoridades, justamente porque o poder público não dispõe de um órgão que possua instalações do gênero, com estrutura para recuperá-los e abrigá-los.”

Todo inverno eles solicitam doações de cobertores e roupinhas para os bichinhos. Para quem tem máquina de costura isso é muito fácil de fazer, por isso contribuímos assim também.

Infelizmente, a instituição está em dificuldades financeiras há bastante tempo e, na página dela no Facebook (aqui), mostraram uma grande dívida de impostos (já que mesmo sendo uma ONG são tributados como uma empresa normal, um absurdo).
A entidade aceita doações em dinheiro e também em materiais como produtos de limpeza, remédios e ração. Tudo acaba sendo muito útil.

Eu tenho meus dois cachorros bonitões, de raça e comprados em canil, mas nada disso faz com que eu os ame mais. Nós escolhemos ter esses dois “meninos” na nossa vida e por isso é a nossa obrigação tratá-los bem. Se um deles ou os dois fossem cachorros adotados, eles receberiam o mesmo cuidado e dedicação. Se eu pudesse, teria muito mais bichinhos em casa, mas já não temos mais espaço, tanto é que eles podem ficar dentro de casa também.

Tudo isso nos fez pensar que já que não podemos trazer mais bichinhos para casa, podemos então apoiar conforme nossas possibilidades alguma instituição séria e que cuide dos animais enquanto eles não encontram com seus novos donos.

Vale ressaltar também que a UIPA age também junto ao poder público para elaborar e melhorar as leis que dizem respeito aos maus tratos com os animais. Dá para ver um pouco mais aqui.

Para o próximo ano, além de manter a ajuda financeira, pretendo começar antes o trabalho de preparar os cobertores e aumentar a quantidade.

Espero ter despertado em alguém o interesse em conhecer a UIPA e, quem sabe, contribuir de alguma forma. Acompanhando a página da UIPA no Facebook você pode conhecer alguns animais para doação e ver também os que já ganharam um novo lar (oba)!

Beijos!

Costuras da Semana!
Costuras da Semana!

Olá!
Com a reforma bombando aqui em casa, quase não tenho saído. A vantagem é poder tocar meus projetos de costura! Fora um dia que eu tive um mega chilique de rinite (que deve ser por causa do pó que virou coisa comum por aqui), os outros dias foram muito bons! Vamos ver o que rolou na última semana?

O inverno está perto do fim, mas sempre é tempo de preparar cobertores para doação para os animais abrigados na UIPA (vou fazer um post sobre a entidade nos próximos dias). Assim como no ano passado, comprei 10 metros de soft. Só que esse ano rendeu um pouco menos de unidades prontas pois resolvi aumentar um tiquinho o tamanho. Ainda assim, 36 cobertores ficaram prontos e já foram entregues na instituição.

Cobertores para os animais da UIPA.

Na aula de Patchwork, terminei a minha lixeirinha de mesa. Ficou tão fofa!

E o conjunto ficou assim:

Meu quartinho cada vez mais equipado!

E, para encerrar a semana, além de estar doida para fazer um crochê, eu embarquei num projeto com a minha prima Fernanda (beijo, Fê!) de fazer as lembrancinhas do batizado do Marco Antonio (lindo da tia!). Já comecei os trabalhos, mas quero manter a surpresa e mostrar mais pra frente!

De volta ao crochê!

O meu vestido Myrtle está caminhando também, quero terminar pelo menos um dele esta semana ainda (#oremos).
Por enquanto é isso!

Beijos e boas costuras!

Costuras na Quarentena, Máscaras de Tecido e Recomeço do Ateliê
Como foi o Me Made May 2020 (#mmmay20)
Katia Linden
Sou de São Paulo, publicitária de formação e várias outras coisas por admiração e escolha própria: feminista, mãe de cachorros, tatuada, amante de música, viciada em Grey's Anatomy, costureira, modelista, consultora de estilo e (também, ufa) autora deste blog.
Sobre o Blog ⟩
Newsletter

Assine a minha newsletter e receba novidades exclusivas por e-mail!

Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres.
Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres.
Email inválido.
Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres. (Obrigatório!)
keyboard_arrow_right
close
Vencendo a minha maior resistência: vender!
Sobre Florescer em Pleno Inverno