Olá!

Dia desses eu estava respondendo alguns comentários do post “A Escolha da Máquina de Costura” e estava com a minha máquina Elgin (conhecida por Velhinha) ligada e à postos para trabalhar. Notei que algumas coisas que eu faço e outras que foram colocadas nos comentários poderiam virar um post de pequenos truques para facilitar a costura. Dividi em três partes, mas se for aparecendo mais assunto, eu aumento a série, rs!

Velhinha à postos!

Minha Elgin é daquelas máquinas antigas de ferro embutida em um gabinete de madeira, com pé e pedal em ferro também. Quando a minha mãe me deu a máquina, primeiro levei para uma revisão geral. Aproveitando, pedi para colocarem um motor nela.

Motor: o maior truque da Velhinha, rs!

Por conta disso, a parte de baixo também ganhou uma pecinha branca nova, o pedal elétrico.
Ficam uns fios aparecendo, mas paciência…

Pedal antigo e pedal novo.

Ainda na parte elétrica, como a máquina não tem luz embutida e apenas a luz do cômodo não é suficiente, uso uma luminária de mesa que eu já tinha em casa (a azul da primeira foto) e resolve bem:

Com tudo apagado…

… Com a luminária acesa e as luzes do quartinho também.

Aproveitando estas fotos onde a chapa da agulha aparece, deu para ver um risco azul à direita da agulha? Esta é a minha marca de 1cm de margem de costura, rs! Quando eu não tinha prática em costurar retinho ou a margem de costura era outra, eu usava uma guia magnética, a costura fica sempre perfeita!

E um truque muito bom para usar carretéis grandes de linha nesta máquina foi colocar uma caneta Bic sem a carga em um dos suportes de linha, dá certinho!

Tchã-rã!

E como não tem aquele cortador lateral de linha das máquinas mais novas, a tesourinha está sempre por perto!

Gostou? Em breve vou colocar mais posts de truques!
Beijos!