Janeiro de 2023 – um mês gentil e tranquilo

Oiê!

Tudo bem?

Fiquei muito feliz em colocar no ar o post que conta a primeira parte de 2019. Quero muito colocar o blog em dia. Olhar para o passado com um olhar carinhoso e craft está sendo muito gostoso. Mas, honestamente, estou doida para falar sobre o presente.

A vida mudou muito nos últimos anos e se tornou também algo muito legal. Estou lidando com um problema de saúde desde o ano passado, mas que não está me impedindo de viver e seguir adiante e isso me anima a fazer planos e aproveitar a vida de novo.

Vejo o quanto é importante ter cuidado de mim física e mentalmente, bem como da minha espiritualidade nos últimos tempos, pois assim aprendi a aproveitar o momento presente E estando presente de fato.

Por isso muitas vezes eu posto coisas em redes sociais com atraso, ou nem posto nada e guardo os registros pra mim. Tem dia que o celular fica esquecido na bolsa, porque quero aproveitar ao máximo o momento, as sensações e as companhias.

Essa Katia que tem vivido o presente de forma presente, tem feito algumas coisas craft sim. E eu resolvi trazer de volta pro blog. Quem aí lembra dos antigos posts de 2a feira contando as costuras da semana? Era muito legal registrar o processo e a evolução dos meus projetos (e até mesmo os perrengues que passava com eles de vez em quando, rs). Acho que parei de fazer os posts semanais em 2015, mas acho que agora eu vou fazer posts mensais, que tal? Vamos lá ver o que rolou em janeiro?

Blusa de tricô rosa

Em janeiro eu segui tricotando uma blusa linda que comecei no ano passado, espero estar com ela pronta até abril (com prazo determinado acabo focando mais, rs). Nesses anos todos tricotando, nunca tinha feito um cardigan, acredita? A única peça aberta que fiz em tricô foi um colete, lá por 2017.

Eu mostrei este projeto da blusa rosa pela 1a – e única – vez neste post aqui, onde eu a relacionei com um processo pessoal de recuperar a minha doçura:

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Katia Linden (@katialinden)

A blusa está com frente e costas prontas, já unidas nos ombros e nas laterais. Antes disso, eu penei com as diminuições para formar o decote V em dezembro. Mas nada que a paciência da querida professora Leonor não desse conta em me ajudar a resolver (obrigada, Leo!).

No momento estou tricotando uma tira que vai dar acabamento ao decote todo, algo que nunca fiz. Depois, irei para as mangas trabalhadas. Confesso que estou com medinho de fazê-las e deixei pro final, hahahaha.

Sei que esse receio com o ponto que ainda não sei fazer para as mangas vai passar, que na hora certa pegarei o embalo e em 2 meses eu estarei com a blusa terminada, a tempo do nosso outono. (OBS: Sua torcida será muito bem vinda para eu conseguir terminar esse projeto em 2 meses!)

Costuras para o carnaval

Ainda em janeiro minha amiga Paty foi na 25 de Março e comprou tecidos para fazermos projetos de carnaval, que já começou. Nós mesmas já fomos a dois ensaios de blocos só em janeiro, eu estou amando!

Resolvemos fazer projetos simples para que desse tempo de fazer rapidinho.

No último fim de semana de janeiro, aqui em casa, definimos o que vamos fazer com cada tecido: eu, Paty e Akio. Todo mundo colocou a mão na massa, fazendo moldes, cortando tecidos… Eu é que fui pra máquina super bem acompanhada e algumas peças já tomaram forma.

Logo menos conseguirei mostrar todas direitinho, num especial de Carnaval! Aqui vão alguns registros super animados do processo! (Clique em uma das fotos para ver em tela cheia)

Por enquanto é isso! Estou vivendo um fevereiro muito animado com esse Carnaval que já chegou!

Beijos e boas costuras!

Look do Dia: Colete de Tricô!
Carnaval feito por mim
Look do Dia: Quimono de seda para derreter com dignidade no Carnaval!

Eu amo Carnaval! São aqueles dias do ano em que a gente esquece um pouco dos problemas, brinca com as coisas sérias que acontecem no mundo, se enfeita como dá vontade. Por outro lado, quem não curte não é obrigado a participar, então é um feriadão dos mais democráticos na minha opinião.

Eu e o Ricardo temos ido ao Bloco do Baixo Augusta desde 2010 ou 2011, já não lembro bem. Só lembro que a cada ano a quantidade de pessoas só aumenta. Agora em 2017 foram 350 mil pessoas e foi maravilhoso como sempre!

Uma das coisas que eu mais curto em blocos de Carnaval é ver a produção das pessoas. Nessa época parece que todo mundo exercita o lado “faça você mesmo” que tem dentro de si e as mais variadas e divertidas fantasias aparecem. Eu acho uma delícia!

Cabelo e Maquiagem

Sempre prendo o cabelo todo e coloco algo para enfeitar. Acho até que todos os meus antigos casquetes já passearam em outros Carnavais, mas meu cabelo estava tão bagunçado-legal no dia que eu fiquei com ele solto até quando aguentei, rs!

Aí, fui pensar na maquiagem. Tinha um batom azul novinho aqui em casa pedindo para ser usado e um glitter cobre também.

O batom sozinho não cobria o suficiente, então primeiro passei uma sombra em lápis para contornar os lábios direitinho, passei o batom e apliquei uma sombra azul marinho levemente metalizada por cima de tudo. Ficou como eu queria!

O glitter eu usei por cima da sombra marrom acobreada (com primer por baixo) e também no lugar do iluminador que costumo passar nas maças do rosto até as têmporas. Aí foi só passar blush e rímel resistente a água, para manter a dignidade quando eu começasse a derreter!

Look do Dia

Eu não bolei nenhuma fantasia em especial neste ano, mas resolvi ir de maiô ao bloco: a minha peça querida é estampada de onça e assim já excluiu ter que usar sutiã e alguma blusa. É confortável e, se molhar, não tem problema. Para garantir mais conforto, shorts jeans e tênis de couro (que é fácil de limpar depois).

Como sempre tem alguma chance de fritar no sol, passei bastante protetor solar e joguei o meu quimono de seda por cima. Não esquenta nada, protege do sol e ajudou também a não ficar grudando nos coleguinhas na muvuca do bloco, rs!

quimono-carnaval1-768x1024-7188520

Eu gostei tanto da mistura das estampas do quimono e do maiô!

Quimono de Crepe de Chine: Tecidos liso e estampado da loja Texprima (antiga loja Dona Dani). Molde da revista Burda portuguesa de 02/2012. Mais fotos do quimono aqui.
Maiô: Adriana Degreas
Shorts Jeans: Hering
Tênis: Adidas
Óculos: RayBan

Tarde de alalaô! #vemcarnaval

A post shared by Katia Linden (@katialinden) on

Mais um encontro especial

E no meio de tanta gente, lá estava Rosa Clara, que me reconheceu e eu achei incrível que ela estava aproveitando o Carnaval para empreender vendendo porta-dinheiro (bem útil, né?!). Só tinha ela por lá vendendo algo assim, as outras pessoas vendiam bebidas ou enfeites pra cabeça. Eu adorei conhecê-la e ver que oportunidade legal ela aproveitou para vender suas costuras!

Bom, o restante do Carnaval eu passei mais quietinha, mas só de ter ido no meu bloco preferido eu já fiquei feliz!

Carnaval feito por mim
Encontrinho de aniversário do blog! Bora?
Viagem com Costura: a Fábrica do Carnaval e lojas de tecidos em New Orleans!

Olá!
Dos poucos dias de passeio em New Orleans que tivemos entre os dois finais de semana do Jazz Fest, um deles foi muito craft!

Mardi Gras World – a fábrica do carnaval de New Orleans

Iniciamos o dia visitando o Mardi Gras World (o mundo do Mardi Gras, que é um termo francês para “terça gorda”, que nada mais é que a 3a feira de Carnaval!).

Este é um galpão enorme, às margens do Rio Mississippi, onde são construídas todas as alegorias do carnaval de New Orleans. Ao contrário do nosso carnaval, que é preparado em segredo por cada escola de samba – já que elas competem entre si – todos os grupos que desfilam com seus carros deixam suas alegorias no Mardi Gras World para serem decoradas conforme os projetos elaborados para eles.

mardi-gras-world1-2520151

Rio Mississippi.

O tour guiado dura cerca de uma hora e custa cerca de 20 dólares por pessoa. A visita começa por um vídeo que conta das origens até os dias atuais do Mardi Gras em New Orleans, com seus costumes, significados e tudo mais.
Com essa noção geral de um Carnaval que acontece a muitos quilômetros de distância de nós, entramos no galpão. Cada estação de trabalho cuida de uma etapa, como a moldagem de blocos de isopor, a aplicação de papel marché, a pintura e assim por diante.

mardi-gras-world6-7309428

Decoração coberta com papel marché.

mardi-gras-world7-9912419

Estação de pintura.

Em quase todas elas tinha alguém trabalhando, então foi muito legal ver cada parte! Na entrada das estações de trabalho sempre tinha uma foto do projeto que aquele artesão estava executando, o que ajudava a entender mais!

mardi-gras-world4-9835566

Projeto em execução.

mardi-gras-world5-8323197

Moldagem de isopor.

mardi-gras-world3-6034330

Alguns rostos famosos já esculpidos.

Terminada esta parte, chegamos a maior parte do local, onde os carros alegóricos e as alegorias feitas recentemente estão guardadas. As peças todas pertencem aos grupos que desfilam pelas ruas da cidade e o Mardi Gras World desmonta as decorações das alegorias, reaproveita materiais quando possível e monta novamente para a festividade seguinte.

mardi-gras-world8-2692169

Alegorias prontas.

mardi-gras-world9-6452756

Carro alegórico, não pode ser muito alto nem muito longo, para circular nas ruas de New Orleans.

mardi-gras-world11-3586387

Mais um carro alegórico. Foi uma manhã super colorida!

Muito trabalho é feito manualmente, mas o pessoal de lá estava bem entusiasmado com um robô que pode cortar blocos enormes de isopor. Acredito que vai ajudar muito na questão de tempo, mas não vai substituir o trabalho de outros profissionais.

mardi-gras-world2-9573584

Modernidades: robô que corta blocos de isopor.

O fim do tour, como quase tudo do tipo nos EUA, leva à lojinha com souvenirs e locais para tirar fotos!
Confesso que não despertou a vontade de ir passar um carnaval lá, pois nós que somos brasileiros estamos “mal acostumados” com o nosso carnaval tão grandioso! Ainda mais com o carnaval de rua de São Paulo em crescimento nos últimos anos, que não tem nada disso das alegorias, mas que é uma diversão muito acessível! De qualquer forma, é uma delícia ver que uma das festas mais grandiosas de New Orleans é feita manualmente!

Lojas de tecido

Saindo de lá, fomos em busca de algumas lojas de tecido que eu tinha procurado. A primeira ficava no Garden District. O Garden District é uma região bem residencial da cidade, não muito longe do centro. Lá estão muitas mansões com arquitetura sulista e também alguns cemitérios fazem parte do passeio dos turistas na região.

Nós só almoçamos por lá (num restaurante que achamos “no susto” e adoramos, as informações sobre ele estão no fim do post) e seguimos para a loja de tecido que eu tinha encontrado nas minhas buscas.

A Promenade Fine Fabrics é uma graça de loja, com uma seleção muito boa de tecidos nobres. Tinha também bastante aviamentos e um atendimento muito atencioso, como em quase todos os lugares que visitamos na cidade.

promenade3-6946894

Promenade Fine Fabrics(Fonte)

promenade2-1535114

Aviamentos lindos!

promenade1-4863887

Tecidos especiais.

Os vendedores conversaram muito comigo e com o Ricardo, já que somos do Brasil e iríamos em todos os dias do festival e acabamos saindo do circuito habitual de turismo e “caindo” na loja deles, mas também foram super prestativos para me ajudar a encontrar algum tecido que atendesse um dos meus projetos listados.

De lá vieram dois cortes de cetim charmeuse de seda, um azul petróleo e outro preto, para um macacão mais arrumadinho que quero fazer. O tecido azul petróleo não foi barato, mas é muito bom e valia a pena o investimento. Fora que ganhei o restinho da peça de brinde, pois sobraria bem pouco. Já o tecido preto estava na parte dos retalhos e realmente foi bem em conta para uma seda.

Seguindo de volta para a região mais central, paramos no Lower Garden District (vizinho do Garden District, não era muito longe do Mardi Gras World, aliás). A loja visitada foi a Chateau Sew & Sew, uma loja bem fofa com aulas de costura e uma seleção bem bonita de algodão e alguns outros tecidos como o linho. Também vendiam projetos, principalmente voltado ao público infantil.

chateau-sew-sew3-4294449

Chateau Sew & Sew.

chateau-sew-sew2-5481170

Uma graça de loja!

chateau-sew-sew1-4163317

Ótima seleção de tecidos!

Comprei um tecido de linho preto com estampa dourada, que quero usar para fazer uma camisa para o verão.

fabrics-new-orleans-4858793

Tecidos lindos: cetim charmeuse de seda em preto e azul petróleo, linho preto com estampa dourada.

Outras compras costurísticas

Enquanto estávamos na cidade, poucas compras foram feitas na Amazon e que foram para repor materiais que já havia comprado antes. De lembrança da cidade, mais um dedal temático para a minha coleção.

fabrics-new-orleans2-6045857

Stay Tape e Wonder Tape, para manter em casa. Um dedal da cidade para a minha coleção (comprado em uma loja de souvenirs da Canal Street).

Look do dia

Para este dia bem craft, usei uma roupa confortável para andar bastante. Fazia tempo que queria colocar a saia lápis de couro sintético para uso em produções diurnas e acho que esta primeira tentativa ficou bem legal!

mardi-gras-world10-7200213

Saia de couro sintético: Matelassê Leather Gráfico (100% poliéster recoberto com PET) comprado na loja Dona Dani (SP), modelo feito por mim :D. Mais fotos da saia neste post.Regata com renda: C&A
Camisa jeans: Levi’s
Tênis: Adidas

mardi-gras-world-8547702

O colar roxinho é o “ticket” de entrada do Mardi Gras World, acaba virando um souvenir do local e remete a uma das tradições do carnaval de New Orleans.

Foi um dia muito gostoso, bem calmo para passear e muito proveitoso em termos craft!
Gostou? Já fiquei até com saudades!

Beijos!

Informações:

Mardi Gras World
1380 Port of New Orleans Place
New Orleans, LA 70130
Site

Baru Bistro & Tapas (onde almoçamos neste dia)
3700 Magazine St
New Orleans, LA 70115
Site

Promenade Fine Fabrics
1520 St Charles Ave
New Orleans, LA 70130
Site

Chateau Sew & Sew – Fabric and Sewing Studio
1115 St Mary St
New Orleans, LA 70130
Site

Look do Dia – Saia Midi de Tule com Lurex (e muito freestyle)
Como é o meu vestir em 2023
Katia Linden
Sou de São Paulo, publicitária de formação, professora de costura por paixão e escolhas da vida. Sou também várias outras coisas por convicção: feminista, mãe de cachorros, tatuada, amante de música, viciada em Grey's Anatomy, costureira, modelista, consultora de estilo e (também, ufa) autora deste blog.
Sobre o Blog ⟩
Newsletter

Assine a minha newsletter e receba novidades exclusivas por e-mail!

Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres.
Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres.
Email inválido.
Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres. (Obrigatório!)
keyboard_arrow_right
close
Um manifesto para 2022
Vencendo a minha maior resistência: vender!