Look do Dia: Resgatando uma Saia de Tweed!

Preciso confessar uma coisa: existem algumas poucas roupas do meu armário handmade que são lindas e bem feitas, mas que nunca usei. Isso acontece com peças que fiz faz tempo e que, apesar de lindas, ficaram paradas por dificuldade de combinar com outras peças ou de adequar à vida que eu levo.

Aconteceu isso com esta saia de tweed. Eu a costurei na época em que fazia aulas com a Lurdes, a saia ficou perfeita e também parada no armário. Creio que ficou arrumada demais para a minha vida informal, mesmo naqueles tempos.

Em 2014 resolvi que teria boas roupas para o inverno e fiz compras e projetos muito acertados: a blusa de seda fechadinha, a capa de lã, uma saia de lã pied de poule que usei tanto que até enjoei dela (rs) e a tal saia de tweed rosa. Lembro como se fosse ontem que comprei estes tecidos todos de uma vez e que usei tudinho, um orgulho só. Por outro lado, ficar com uma saia bonita encostada por três anos não é nada legal.

No último Dia dos Namorados, resolvi fuçar no armário para fazer uma produção especial e com algo de novidade, já que ando bem sem tempo para costurar… Não é que eu resolvi colocar a saia e amei?

Ela está um tiquinho folgada para mim hoje em dia mas, na verdade, o próprio tweed é mais volumoso também. Vi que eu não usava por falta de complementos justinhos na parte de cima, para não deixar a composição tão “solta” para o meu gosto.

OBS: Prometi a mim mesma que, se eu pegar amizade com ela de uma vez, rs, vou ajustá-la um pouco!

A saia de Tweed

Lembro de ter visto a blusa e a saia ainda nos tempos da revista Burda portuguesa, ficar apaixonada e querer muito fazer as duas peças da foto! A blusa tem sido muito bem usada até hoje!

A saia reta me chamou atenção por ter uma modelagem bem diferente da que estamos acostumadas a ver. Não possui costuras laterais e as pences das costas foram transformadas nesse recorte diagonal lindo. A fenda traseira foi substituída por uma pequena nesga muito charmosa. Peguei uma imagem da saia com o desenho técnico dela pois as fotos da minha saia pronta não mostram estes detalhes direito, por conta da textura do tweed.

Modelagem especial!

(Fonte)

Esta é a minha saia!

Frente

Costas

Zoom das costas para ver o zíper bem invisível, o cós reto e o recorte lindo!

Um detalhe da barra para mostrar bem o tecido!

Quando eu estava fazendo o curso de modelagem feminina no Senac, em 2015, a gente tinha que fazer a modelagem de uma peça a partir da observação (de uma peça já pronta ou de uma foto) ao final de cada módulo. Adivinha qual saia eu reproduzi? Esta mesma!

Na época, eu e a querida mestra Angélica concluímos que a saia tinha sido criada a partir da moulage, mas que era possível sim fazer isso com a modelagem plana. Deu muito trabalho mas eu consegui! Pena que não achei nenhuma foto da saia do curso!

Vi que a minha saia ficou parada por não ter ficado tão ajustada como aparece na foto da revista, o que impediu, por exemplo, de usar com a blusa que forma este “conjunto”. Para colocá-la em uso de uma vez por todas, resolvi combinar com um dos meus tops cropped ou com uma camisa jeans bem ajustadinha que tenho. Funcionou!

Look do Dia

Como contei no começo do post, usei a saia linda de tweed rosa pela primeira vez neste dia dos Namorados. Eu e o Ricardo dificilmente encaramos programas fora de casa nesta data, até porque temos a nossa própria casa todinha para nós, né?!

Na véspera, por ser domingo, fomos almoçar em nosso restaurante preferido e no dia dos Namorados preparamos um jantar especial em casa mesmo. Bom, Ricardo preparou o jantar e eu preparei a mesa com a toalha de mesa branca e prata, além dos arranjos de flores do campo nos vasinhos de vidro (a toalha e os vasinhos eu fiz para a festa de ano novo, lembram?). Sim, por aqui não é só o armário que é handmade!

Decoração handmade

Gostei da combinação da saia com o top mais justinho e as botinhas, ficou quentinho na medida e não ficou super formal. Acho que agora vou usar bastante esta saia (e talvez ajustá-la um tiquinho)!

(Só que não percebi na hora das fotos que a saia estava amassadinha de sentar e levantar…)

Saia de Tweed: tecido da Mittus Tecidos (Rua Augusta), molde da saia da revista Burda portuguesa de 11/2013.
Top Cropped: Malha Suit Wall comprada na loja Dona Dani (SP), molde Astoria da revista Seamwork de abril/2015 (EUA). Mais fotos do top aqui.
Botas: Schutz

Enfim, a boa saia ao armário handmade retorna!

Voltei a dar aulas! Primeira parada: Sesc Ipiranga
Um novo armário handmade para uma nova fase
Primeiros Looks do Me Made May 2016 (#mmmay16)!

Olá!
Quem está sempre por aqui deve ter percebido uma ausência de novos posts nos últimos dias, não é?! Bom, primeiro uma viagem de férias muito emocionante mas em que fiquei praticamente sem internet (logo menos a viagem será contada aqui no blog). Depois, na volta, uma série de acontecimentos por aqui me deixou longe do computador. O que importa é que tudo está se resolvendo e aqui estou de volta!

Para retomar a rotina habitual de posts (que eu amo manter, aliás), hoje é dia de mostrar os look dos primeiros dias do Me Made May deste ano. Contei sobre este desafio aqui.
Neste ano eu quero usar novas combinações para as minhas peças handmade, estou também procurando não repetí-las ao longo deste mês exatamente para colocar mais peças em uso e, assim, usar algo que esteja parado ou que eu sempre uso da mesma forma.

Vamos aos looks? Para ver mais detalhes e informações das peças que eu costurei, coloquei os links para os respectivos posts!

Primeira semana

Dia 1 – Último dia do festival de New Orleans (olha o spoiler dos posts futuros, rs). Estava calor e chovendo, então fui de macacão curto e levinho com botas de plástico.Post sobre o macacão aqui.

Dia 2 – Look para ir embora para casa: camiseta, legging, tênis e casaco, tudo bem confortável!Post sobre a camiseta de malha de viscose aqui.

Dia 3 – De volta a SP, no último dia de férias e finalmente aproveitando o outono.Saí com meu vestido de moletom e apliques de renda, tênis e jaqueta jeans.Post sobre o vestido de moletom aqui.

Dia 4 – Era para ser apenas um dia de volta às aulas, mas não foi bem assim, rs! (Por isso a minha cara meio acabada…)De qualquer forma, usei a camiseta que eu troquei o viés faz tempo e a minha jaqueta bomber.Post sobre a camiseta aqui e sobre a jaqueta bomber aqui.

Dia 5 – Para resolver problemas na rua (rs), vestido de malha de rayon e tênis.Post sobre o vestido Wren aqui.

Dia 6 – Confesso que estava totalmente sem ideia do que vestir nesse dia. Aí repeti o look “sucesso” do último Lollapalooza com macacão jeans, camiseta de manga comprida e lenço de algodão.Post com detalhes deste look todo aqui.

Dia 7 – Para passar o dia com uma das minhas pequenas (só consegui fazer a foto na volta do passeio, por isso estou tão amarrotada, rs), minha blusa Taffy de laise e minha pantalona de linho com viscose.Post com a blusa aqui e sobre a calça aqui.

Dia 8 – Look fofo para o almoço de dia das mães em casa: top cropped de moletom, saia evasê com prega e sapatilhas, eu gostei!Post sobre o top cropped aqui e sobre a saia Vivi aqui.

Segunda semana

Dias 9 e 10 – Foram dois dias em que acabei não usando nada que eu fiz, mas os trabalhos handmade continuaram por aqui (na foto, uma das mangas da minha blusa de tricô em progresso).

Dia 11 – Finalmente um dia normal de aulas (com direito a uma prova “básica” de alemão)! Para a jornada de estudante, minha querida saia de sarja Arielle (post sobre ela aqui).

Dia 12 – Mais um dia de afazeres domésticos, quando acabo usando roupas “das ginásticas”…O ponto alto do dia foi que retomei a colcha de Patchwork que comecei no ano passado, agora só sossego quando terminá-la!

Dia 13 – Para um cinema e jantar com o marido, minha amada blusa de crepe de seda. Não via a hora de usá-la de novo! Post sobre a blusa aqui.

Dia 14 – Para uma pizza em família, vestido curtinho de malha com legging, bota e casaco.Post sobre o vestido Coco em malha de algodão aqui.

Dia 15 – Domingo relax com vestido, jaqueta jeans e tênis. Post sobre meu vestido Monetta de malha aqui.

Dia 16 – Ontem foi um dia bem caseiro, sem look handmade, mas com os trabalhos da colcha prosseguindo. Estou terminando a colcha, finalizando o viés com pontos à mão.

Primeiras conclusões sobre minhas peças handmade

O que eu percebi até agora é que estou usando menos vestidos do que eu usava em outros tempos, tanto que estou evitando fazer outras peças do tipo há um tempo. As cores andam bem dentro daquela cartela de cores que escolhi no ano passado (post aqui), mas vesti um pouco de rosa em dois dias e eu gostei! Ajuda muito pensar nas cores na hora de combinar as peças, fica mais fácil, sabe?

Outra coisa importante nos tempos atuais é que eu vivo sem salto, estou praticamente de tênis o tempo todo. Os meus tênis nem sempre são básicos, mas são maravilhosamente confortáveis. Então, preciso considerar o item “calçado baixo/tênis” ao pensar nas costuras futuras ou como aproveitar bem o que teu já tenho no armário, já que ando muito feliz com eles!

Gostou dos looks?Ainda temos praticamente metade do desafio pela frente, continuo animada!
Beijos!

Voltei a dar aulas! Primeira parada: Sesc Ipiranga
Um novo armário handmade para uma nova fase
Armário Handmade de Férias!

Olá!

Antes que eu termine esta série de posts sobre as minhas férias, conforme mostro aqui no blog mais peças prontas, é certo que meu armário está cada vez mais preenchido com peças que eu mesma fiz. Consequentemente, sempre estou usando algo que já apareceu aqui no blog em algum momento e, durante os últimos tempos, aproveitei para registrar alguns deles para mostrar! Ter um armário handmade espelha nossa personalidade!

Vida Craft

Nessas horas me dou conta que eu realmente acredito que uma vida mais handmade é totalmente possível e muito gratificante!

Cada peça dessas é especial, tem um significado e uma história. É bem mais legal que comprar um monte de roupas sem pensar muito (apesar de algumas marcas que eu adoro sempre contarem com uma visita minha, como a Laundry e a Lascivité, onde a gente sabe que é tudo feito com amor e também do jeito mais correto, fora que é um incentivo a comprar de marcas locais e de trabalho autoral).

Bom, lá vou eu mostrar um pouquinho do que andei usando ultimamente (usei mais peças ainda, mas não fotografei tudo…):

Para comemorar meu aniversário em casa com a família, usei a minha saia de sarja Arielle (post aqui), com Melissa e essa blusa linda da Dresscoração! O colar é da Laundry (por Analogic Love).

Meu macacão jeans (Turia Dungarees, post aqui) passeou até de bicicleta por Venice Beach, na Califórnia. O sol engana só um pouco, tanto é que eu estava com moletom por baixo e também uma camiseta de mangas compridas, rs!

Usei minha camisa de seda (post aqui) acompanhada de shorts de cetim de algodão da Laundry, lenço de seda e espadrilles para o jantar em que eu e o marido comemoramos mais um ano de casados! Eu achei que ficou bem especial!

Quase que rolou um look monocromático, porque até o cabelo agora é cinza, rs! Mas os óculos escuros espelhados cumpriram o papel de dar uma corzinha a mais! Post do vestido de moletom cinza mescla aqui.

De macacão de tecido e cara lavada para uma ida ao cinema, rs!Post sobre o macacão comprido aqui.

Mais uma vez o macacão jeans com a minha camiseta amarela que eu adoro (post sobre ela aqui), num almoço de domingo com o marido na Vila Madalena.

Para comemorar o aniversário de uma das pequenas da família, minha saia Vivi (molde Francine Lacerda, post aqui) e camiseta que eu incrementei com viés de âncoras (post aqui). Amo a mistura do azul das listras da camiseta com o azul miudinho da estampa da saia!

Meu macacão mais antigo (post aqui) num passeio com o marido e o Luke na Paulista. Programa delicioso, recomendo!

Já deu pra ver que eu estou viciada em macacões (e ainda tem um molde novo me esperando e um outro que eu quero desenvolver a modelagem) e nesse tênis branco, né?!

É tão legal quando a gente se encontra de verdade e as nossas roupas só cumprem o papel de mostrar isso pro mundo! Adorei mostrar aqui no blog, quem sabe mais pessoas se animam em montar um armário handmade?

Beijos!

Voltei a dar aulas! Primeira parada: Sesc Ipiranga
Um novo armário handmade para uma nova fase
Katia Linden
Sou de São Paulo, publicitária de formação e várias outras coisas por admiração e escolha própria: tatuada, amante de música, viciada em Grey's Anatomy e Game of Thrones, esposa, dona de casa, costureira, modelista, consultora de estilo e (também, ufa) autora deste blog.
Sobre o Blog ⟩
Newsletter

Assine a minha newsletter e receba novidades exclusivas por e-mail!

Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres.
Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres.
Email inválido.
Insira apenas letras e espaços. Min. 2 caracteres. (Obrigatório!)
keyboard_arrow_right
close
Vencendo a minha maior resistência: vender!
Sobre Florescer em Pleno Inverno